Linux Fragmentado

Ao ler um artigo na Linux Magazine fiquei muito intrigado sobre esse assunto, pensei e cheguei a algumas conclusões sobre o tema.

Sempre que pensamos como militantes ou defensores de uma idéia sempre temos inimigos e no Linux com o software livre não é diferente, mas nosso caso temos algum incomum. O nosso maior inimigo não é a Empresa MS! E sim nós mesmos… Isso! Falo nós pois somos uma comunidade.

Um dos grandes obstáculos frente ao crescimento do Linux nos Desktops é a fragmentação, pois em meio a tantas distribuições seguindo linhas diferentes fica complicado o acesso das grandes empresas nesse mercado, pois a falta de um padrão deixa tudo muito inseguro.

No caso da Dell, ficou claro o seu receio para a entrada nesse mercado, pois o Linux já se estabeleceu no mercado a meses e ainda nada tinha sido divulgado em relação a ele abertamente. Depois de vários pedidos em seu site a Dell resolveu entrar no mercado e assim vender suas maquinas com o Suse Linux pré-instalado, mas todo suporte na parte do SO será dado pela Novell, dona do Suse Linux, pois empresas como a Dell não se importam com a vontade de usuários do Linux, elas querem saber dos usuários de Red Hat, Debian, Suse, ou seja, padrões a serem seguidos.

O mesmo aconteceu com a HP, mas no caso dela não existe somente uma distribuição e sim várias. Red Hat, Suse, Turbolinux e Mandriva. Nesse caso escolhido pelo usuário, mas ainda limitado pelo tipo de hardware compativel. Nesse caso também o suporte do SO é totalmente prestado pela dona da Distribuição.

Ao fim, podemos perceber que mesmo com tantos problemas a área linux é bestante promissora e pouco explorada. As grandes empresas estão percebendo isso um pouco tarde, mas o que ainda não foi encarado de verdade por eles é a liberdade do usuário de uma forma bastante ampla, pois se o suporte é prestado e de certa forma a comunidade foi usada para o mesmo por que não ajudar a mesma disponibilizando os drivers para seus hardwares? Será que eles não percebem que com isso poderá aumentar suas vendas frente a estruturas proprietárias? Será mesmo que a ATI não sente isso hoje com a Nvidia?

O que acho é que tudo ainda está da mesma forma. O objetivo da entrada dessas empresas ainda não foi alcançado! COMPATIBILIDADE! Nosso maior mal em Desktop até então, mas tudo isso é questão de tempo.

3 respostas para Linux Fragmentado

  1. Aurium disse:

    Discordo do autor… Pena que não diz aqui qual foi.

    Quando falamos em padronizar, temos que padronizar as interfaces possibilitando a comunicação e não usar o mesmo software.

    Essa idéia bizarra de “one fit all” foi fortemente difundida pela Microsoft como uma de suas primeiras ações contra o SL e hoje ela mesma está se distanciando disso, pouco a pouco. (Mas não vai largar o osso tão cedo)

    Ter centenas de opções á ótimo. São como roupas… Todas as camisas tem dois braços, mas cada um usa um estilo diferente, seja por gosto ou necessidade.

    A empresa quer usar ou dar suporte a um modelo único de sistema operacinal, beleza, escolhe uma distro e pronto. Se o usuário quer outra distro ele não compra aqui, compra lá.

    Ter muitas opções é um benefício para o conhecedor da área e não para o leigo, mas o leigo não anda sozinho mesmo. Ou ele compra suporte técnico ou usa uma distro para leigos que vai instalar uma pré-seleção de softwares e pronto.

    GNU/Linux não é o SO mais usado do mundo por ter centenas de distros. Não… Se a questão fosse essa o MacOS seria muito mais usado no primeiro mundo onde seu preço não faz tanta diferença.

    GNU/Linux começou a andar de verdade para o desktop muito recentemente, entrando num mercado maduro e já dominado por um SO totalmente diferente.

    No futuro sua multiplicidade de opções será um argumento para se manter no GNU/Linux.

    Dá pra falar por oras sobre os benefícios (sociais/educacionais/econômicos) de termos opções mas já está bom por aqui.😉

  2. Blog Aurium disse:

    Teoria do Caos e Padres

    No futuro sua multiplicidade de opes ser um argumento para se manter no GNU/Linux…

  3. rafael.gomes disse:

    Oras! o Autor do texto “soy jo” Irei acrescentar os autores nos finais dos textos… hehehe

    Sim… Sobre o que falou concordo em partes…

    Quando fala em camisa com duas mangas… falo exatamente isso… nem todas as nossas camisas tem duas mangas…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: